O blog feito para as noivas do interior de São Paulo
Casamento & Dinheiro
DressGo
Tips For Bride

Economia: Quem irá controlar a conta do casal?

Finalmente, chegou o grande dia, os noivos se casaram e viveram felizes para sempre! Assim terminam todas as histórias infantis de príncipes e princesas. Agora é que realmente começa uma nova vida e, se não houver algum tipo planejamento financeiro, provavelmente o “felizes para sempre” não vai se realizar!

Depois que voltarem da lua de mel, os noivos deverão começar a pensar em coisas práticas, como por exemplo: Qual dos dois vai cuidar das finanças de família? Teremos uma única conta corrente ou cada um terá a sua em separado? Vamos preencher periodicamente uma planilha de gastos? Quais serão os objetivos do casal? E por aí vai….

Conversem sobre as finanças

Como já perceberam, as coisas daqui por diante não serão fáceis. O casal terá muitas responsabilidades pela frente e uma delas será a de cuidar de sua nova vida financeira. Portanto, é essencial que conversem sobre suas finanças, definam seus objetivos de vida e procurem se organizar. O que sugiro é que para as pequenas decisões, o casal defina algum valor máximo em que cada um terá sua autonomia para gastar sem precisar da opinião do outro. Do contrário, uma simples compra de supermercado poderia passar por uma imensa discussão até ser aprovada por ambos – o que poderia dificultar muito o dia a dia. Em relação aos gastos mais relevantes, como uma viagem, a troca do carro ou a compra da casa própria, por exemplo, o ideal é que sempre compartilhem destas decisões.

É apropriado marcar uma reunião mensal, por exemplo, para falarem das finanças e tomarem as decisões de gastos e de poupança, verificando também se as metas foram ou não foram cumpridas e procurando soluções. Afinal, investimos tanto de nosso tempo para ganhar nosso dinheiro e muitas vezes não dedicamos nenhum tempo para cuidar dele.

Conta corrente conjunta ou separada?

Para os jovens casais em início de carreira, acredito que manter uma conta conjunta seja a melhor opção. Assim, evitam pagar taxas dobradas e será possível aplicar em produtos financeiros mais rentáveis (devido ao maior volume de recursos para aplicação, será possível encontrar produtos com menores taxas de administração). Além disso, um eventual descontrole de gastos de um dos cônjuges, pode ser compensado pela poupança do outro, evitando-se também os juros do cheque especial. O problema é quando os dois não são muito controlados, um está contando com a poupança do outro e acabam gastando tudo o que tinham e um pouco mais…

Por isso que é importante o controle das receitas e despesas do casal por meio de uma planilha de fluxo de caixa. Assim, os dois saberão perfeitamente o quanto que já gastaram e quanto ainda tem na conta para chegarem até o final do mês. Temos que lembrar também que, atualmente, as famílias podem assumir várias outras configurações: casais que moram em casas separadas, com filhos de outros casamentos, etc. Alguns vão preferir unir suas contas correntes, outros preferirão manter uma conta individual para cada um, e ainda podem optar por ter contas individuais para suas despesas próprias e uma conjunta para a manutenção da casa ou viagens do casal.

Dividindo as tarefas

Hoje em dia, na maioria dos lares, ambos trabalham e ganham seu próprio dinheiro. Portanto, é bem razoável que dividam as responsabilidades: tanto as domésticas, quanto as financeiras. Ainda encontramos famílias em que um dos cônjuges toma conta das finanças da família sozinho e o outro nem sabe o que se passa nas contas do casal – apesar de ser uma realidade cada vez mais rara. É importante que ambos estejam cientes da situação financeira do casal e que contribuam para o seu bom andamento. Um deles pode ficar responsável por preencher a planilha e, o outro, por ir ao banco e pagar as contas da casa, por exemplo. Vai depender da disponibilidade de tempo e da facilidade com números de cada um.

Sendo assim, fica claro que não existe o certo e o errado. O importante é que quebrem o tabu e conversem sobre dinheiro em casa. Assim, poderão viver uma vida financeira mais saudável e isso ajudará muito o futuro do casal. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tips For Bride

Noiva

Planejamento

Cerimônia e Festa

Especial: Interior de SP
Casamentos Reais

Colunistas

Guia de Fornecedores

Tips For Bride Tips For Bride Tips For Bride
Tips For Bride