O blog feito para as noivas do interior de São Paulo
DressGo
Tips For Bride

Imprevistos de última hora no casamento: Como lidar?

Os preparativos para o casamento devem ser encarados como um grande projeto, talvez o primeiro de muitos para um casal. Nada melhor do que aproveitar este momento mágico para colocar em prática alguns ensinamentos financeiros! Assim como todo grande projeto, é normal que, no final, a situação financeira fique mais complicada por conta de uma série de imprevistos de última hora. É um item aqui que não tinha sido previsto, outro ali que não tinha entrado na lista e pronto, o orçamento já está estourado! Para evitar o estresse de ficar sem grana para os preparativos finais do casamento, é necessário muito planejamento e disciplina para seguir o que foi orçado. Mas, como sabemos que na vida real, não é bem assim que tudo acontece, melhor prevenir do que remediar!

Kuripot Pinay
Kuripot Pinay

Como me preparar para lidar com os imprevistos

Você já planejou uma obra em casa e quando percebeu já estava com muitos mais itens na sua lista do que o planejado inicialmente. É o famoso “já que”… Já que vamos mudar o piso da cozinha, que tal trocar também o piso da lavanderia? Já que vamos mudar a louça do banheiro, que tal trocar a luminária também? E por aí vai. Num projeto para uma festa de casamento, é igualzinho! “Já que” pra cá, “já que” prá, e logo o orçamento está estourado. Mas, como se preparar para evitar a falta de grana no final dos preparativos? O correto é planejar um dinheiro extra para os imprevistos!

Quanto devo reservar para emergências nos últimos preparativos do casamento?

O ideal é programar pelo menos 20% a mais do orçamento para os imprevistos de última hora. É verdade que não sabemos exatamente o que vai ocorrer de imprevisto, mas sabemos que eles sempre ocorrem. Deixar um montante de uns 20% do orçamento total a mais reservado vai diminuir bastante a probabilidade de faltar dinheiro no final dos preparativos. Claro que o ideal é que consigam fechar tudo com o valor que foi orçado e, se der tudo certo, podem aproveitar esta grana extra para já servir de reserva de emergências para o dia a dia do casal depois das festividades e quando iniciarem a vida a dois.

Se, por outro lado, algo não sair exatamente como o planejado, vocês terão esta reserva que irá salvá-los de um estresse nos momentos finais dos preparativos. Procure orçar o evento da forma mais detalhada possível e procurando incluir tudo o que for realmente importante para o casal, mas se ficar algo de fora ou se ocorrer algum imprevisto, tenha esta reserva extra que irá resolver estas questões finais! Por fim, desejo um ótimo 2017, com muita paz, saúde e tranquilidade financeira!

Tips For Bride

Como reduzir os gastos do meu casamento?

Uma das coisas mais aflitivas num casamento é o quanto que ele irá custar. É claro que isso vai depender bastante do tamanho do evento e dos prestadores de serviço contratados, pois é possível organizar desde um mini wedding, só com a família, em que os noivos fazem muito trabalho manual, o famoso DIY (do it youself, em português, faça você mesmo), até um mega evento com muitos convidados em que são contratados os melhores prestadores para cada item. É claro que os noivos devem conversar e procurar chegar a um acordo de que tipo de casamento querem e/ou podem bancar.

darkershadesofbrown.com
darkershadesofbrown.com

Por onde começo?

Ao preparar um casamento, os noivos devem pensar no número de convidados para estimar o tamanho da cerimônia. Depois de definida a lista, podem partir para a escolha da igreja e do local da festa. Uma sugestão é contratar uma cerimonialista que possa auxiliá-los desde o início, ela poderá ajudar com o orçamento e a indicar os prestadores de serviço de sua confiança. A vantagem é que vocês já terão uma ideia dos valores que irão gastar em cada item e, assim, ficará mais fácil para definir o que poderão cortar e o que não abrem mão de jeito nenhum.

O que posso cortar?

É muito difícil dizer o que é importante e o que é supérfluo em um casamento, cada casal vai ter as suas preferências. Em geral, o que não pode faltar num casamento é uma boa comida e bebida, uma agradável música e um local adequado… Depois de contratados estes itens essenciais, será possível identificar quanto que ainda resta do budget para o restante. Atualmente as opções para o casamento são infinitas, desde a identidade visual do casamento até um cabide personalizado para o vestido da noiva. Ou seja, o ideal é definir um montante para estes detalhes especiais e ir acompanhando tudo direitinho, no dia a dia, com uma planilha. Tendo um montante definido, vocês saberão que, para ter mais isso, será preciso abrir mão daquilo, e por aí vai. A decoração, o buffet e o local costumam estar entre os mais caros do casamento, então vale a pena investir um tempinho para escolher as empresas ideais para o seu orçamento.

Contratando os prestadores de serviço

Ao começar a escolher as empresas, solicitem que sejam efetuados contratos com todos eles para que fique bem claro os direitos e deveres de cada um. Neste momento é bom dar um sinal para garantir o serviço, mas também não é bom pagar tudo, pois sempre tem o perigo de o prestador não entregar o que foi contratado. Outra vantagem de contratar os fornecedores indicados pela cerimonialista é que eles já são da confiança dela. É mais arriscado se aventurar em contratar uma empresa sem nenhuma referência. A cerimonialista também poderá ajudar em relação ao cronograma das contratações dos serviços, já que algumas vezes, uma coisa depende da outra. Vocês bem sabem que tudo que tiver de ser resolvido em cima da hora, com urgência, acaba saindo mais caro!

Em resumo, é importante ter um bom orçamento, controlar os gastos na ponta do lápis e ficar atento ao cronograma previsto para as contratações. Com bom planejamento e organização, com certeza seu casamento será um sucesso – e o que é mais importante, não deixará furos nos bolsos.

Tips For Bride

Gastei muito no meu casamento… O que fazer?

Dívidas e peso na consciência. Sabe como é, na animação dos preparativos do casamento, acabamos querendo muito mais do que tínhamos planejado e o orçamento invariavelmente acaba sendo ultrapassado. Aí, acordamos depois da lua de mel e vêm as dívidas e o peso na consciência…. O que fazer?

Se as dívidas já foram contraídas, agora o que se tem a fazer em primeiro lugar é entender qual é o tamanho do buraco. Procurem listar tudo que estão devendo, considerando os juros, as parcelas que ainda têm de ser pagas e o saldo devedor de cada um. É bom fazer uma planilha com estes itens, ordenando dos juros mais altos para os mais baixos.

Depois será preciso fazer um planejamento para saber o quanto será possível pagar por mês e pensar em estratégias de pagamento. Será necessária muita disciplina para colocar os planos em prática! Uma planilha de fluxo de caixa, considerando as receitas e despesas será muito útil para que o casal consiga quantificar o quanto poderá pagar por mês. Um esforço de economia e poupança ajudará muito neste momento. Num primeiro momento, os pequenos luxos devem ser evitados até que a situação se normalize.

bridesmaidforhire.com
bridesmaidforhire.com

Por fim, e não menos importante, deve-se verificar se existe no banco alguma linha de crédito com juros mais baixos. Por exemplo, se uma das dívidas for em cheque especial ou no cartão de crédito, é possível encontrar empréstimos pessoais com juros menores do que os cobrados nesses tipos de empréstimo, que costumam ser os mais caros. A ideia é procurar fazer renegociações para diminuir os juros, alongar os prazos e reduzir os valores das parcelas.

Ressalto ainda que, no futuro, procurem colocar limites para o endividamento da família. O ideal seria que não comprometessem mais do que 30% de sua renda mensal em parcelas de empréstimos e financiamentos. Em muitos casos, o endividamento pode levar a problemas no trabalho e na saúde, além de resultar em brigas no casamento e, em casos mais sérios, até no divórcio. Sendo assim, o casal deve conversar bastante sobre o assunto, se planejar e tentar chegar a um acordo de como serão pagas estas dívidas.

12
Instagram
Instagram

Tips For Bride

Noiva

Planejamento

Cerimônia e Festa

Especial: Interior de SP
Casamentos Reais

Colunistas

Guia de Fornecedores

Tips For Bride Tips For Bride Tips For Bride
Tips For Bride